A redefinição da impressão de cartões de identificação nas empresas

RequestInformation
tbolivar's picture

À medida que os volumes de trabalho de IoT evoluem nas organizações, as empresas estão processando cada vez mais seus dados em nuvem e, como se sabe, a computação em nuvem oferece vantagens significativas para reduzir custos e aumentar a flexibilidade dos recursos.

Da mesma forma, o processo de identificação de funcionários não está alheio a essa tendência; a nuvem modificou a maneira como as credenciais de identificação são impressas e gerenciadas nas organizações.

Uma das razões mais significativas para isso são os altos custos envolvidos no método clássico, pois antes se considerava que o investimento estava relacionado apenas com o valor para a emissão dos cartões, mas esse valor representava apenas a ponta do iceberg, pois existem também de uma forma menos evidente mas não intangível, uma série de despesas relacionadas com a produção de uma identificação.

O custo dos serviços, por exemplo, gerado cada vez que um serviço técnico é realizado no sistema, ou através de contratos de serviço, que são necessários para garantir o funcionamento adequado do mesmo; há também o custo do pessoal dedicado à produção ou emissão de cartões em cada estação de trabalho.

Adicionemos também o custo de inventário dos cartões, suprimentos para as impressoras, peças de reposição, etc. Nesta perspectiva, poderíamos seguir considerando ainda muitas outras despesas, que levaram as organizações a buscar alternativas mais rentáveis.

Por outro lado, o tema da segurança vem se tornando cada vez mais relevante, pois nas ocorrências de falhas de segurança, se torna muito oneroso implementar soluções e recuperar as perdas; por essas razões, as organizações procuram disponibilizar identificações seguras emitidas em um ambiente confiável, transmitidas em redes protegidas, onde as informações são armazenadas com segurança.

Ademais, as organizações também vêm enfrentando outros desafios, com um volume maior de pessoas para identificar, seja pelas fusões de empresas, ou pela chegada de novos alunos a cada semestre, no caso das universidades. Esses desafios são mais fáceis de neutralizar, em um ambiente hiperconectado.

Benefícios da emissão de cartões de identificação a partir da nuvem

Falemos também sobre funcionalidade: na era tecnológica essa característica é cada vez mais procurada, para fazer mais com aquilo que dispomos, e é neste ponto que a união entre a nuvem e as identificações apresenta seus melhores resultados, permitindo potencializar os cartões de identificação para outras aplicações e usos, além do controle de acesso, pagamentos em distribuidores automáticos em cafeterias, acesso a sistemas de TI, entre outros.

Quando as informações são centralizadas na nuvem, cada componente do processo de emissão do cartão interage com ela: suporte técnico, reabastecimento automático de suprimentos, projeto de cartões, impressoras e até mesmo identificações móveis. Isso garante a integridade das informações, enquanto cada componente pode continuar a gerenciar suas tarefas de forma independente.

Entre essas tarefas, estão a impressão de cartões com impressoras situadas no mesmo local, ou distribuídas em diferentes locais, projetar cartões a partir de um usuário administrador autorizado, diagnosticar um problema remoto, alertar sobre a necessidade de reabastecimento de suprimentos, encaminhar trabalhos de impressão para uma impressora de cartões e até mesmo emitir uma credencial digital em um dispositivo móvel.

Da mesma forma, não é necessário disponibilizar PCs exclusivamente para impressão, e isto permite gerenciar impressões de qualquer local, sem requerer a instalação e manutenção de softwares; e em complemento, com a utilização de todos os recursos disponíveis na fila de impressão automática.

Como tudo isso é possível?

A HID Global desenvolveu a plataforma Fargo Connect, que compreende um sistema centralizado, seguro e integrado, que combina hardware, software e serviços com tecnologia em nuvem. Simplifica a operação e o suporte da emissão em alto volume, de cartões de identificação em um escritório, ou departamento.

A plataforma potencializa o sistema de gerenciamento de identificação existente (de cartão único) e se combina com a plataforma protegida na nuvem da HID, para proporcionar uma experiência ágil, desde o projeto até a impressão de cartões.

As organizações podem eliminar múltiplas camadas de custos de programas, ganhar eficiência no processo de emissão e readequar facilmente o departamento de emissão de cartões, para acomodar futuras demandas de tecnologia ou volume.

A plataforma Fargo Connect pode ser fornecida através de um modelo de serviço administrado, com faturamento semestral ou anual, bem como por um modelo de aquisição tradicional.